Grupo Vínculo - Apoio voluntário especializado para cuidados com a vida

ORIGEM DO MÉTODO PILATES




Olá querida(o)s leitoras e leitores do blog do Grupo Vínculo! Boa segunda-feira à todos!


Essa é a minha primeira postagem por aqui, por isso pensei muito sobre o que escrever. Como fisioterapeuta, trabalhei muito com gestantes e puérperas (mulheres no pós-parto) mas há 5 anos venho utilizando o método Pilates como minha principal ferramenta de trabalho. Por isso hoje, venho contar um pouco sobre a origem do método.




Joseph Humbertus Pilates (1880-1967) era alemão e sofria de doenças como asma e febre reumática. Acreditava na cura do corpo através do movimento e na relação harmoniosa entre corpo e mente. Para isso, J. Pilates praticava yoga, boxe, lutas greco-romanas e ginástica.

Serviu a 1ª Guerra Mundial na Inglaterra e lá foi aprimorando seus conhecimentos e estudos sobre anatomia, fisiologia e o movimento humano. Trabalhou na enfermaria e acoplou molas às camas, oferecendo seus exercícios aos soldados acamados.

Uma forte epidemia de Influenza assolou a Inglaterra em 1918, matando milhares de pessoas, porém nenhum dos pacientes de Joseph foi atingido.

Esse fato deu mais certeza de que sua técnica surtia efeito em seus praticantes e ao retornar à Alemanha, trabalhou com diversos experts em dança chegando a ser indicado para treinar o corpo de polícia. Pilates porém, emigrou para os EUA antes decepcionado com as condições políticas de seu país.

Em 1926 domiciliou-se em Nova Iorque juntamente com sua esposa Clara e abriu seu Studio na Oitava Avenida, dividindo seu endereço com o Ballet da Cidade de Nova Iorque.
Nos anos 60, Joe e Clara puderam treinar muitos bailarinos da cidade de Nova Iorque, inclusive as bailarinas do Ballet de Nova Iorque à pedido de seu orientador, George Balanchine que já era seu discípulo. Juntamente com Balanchine, outros bailarinos de renome e influentes da época enviaram dezenas de estudantes para Joe a fim de treinar seus corpos e principalmente reabilitá-los.


Os bailarinos seguidores da técnica deixavam de se lesionar sucessivamente por melhor condicionarem seus músculos. Utilizando seus corpos como modelos, Joe Pilates conseguiu aprimorar cada vez mais seu método.



Em 1934 escreveu o livro chamado Your Health no qual apresenta casos de 26 clientes.  Em 1945 publicou outro livro chamado Return to life through Contrology, no qual apresenta os conceitos de sua técnica que chamou na época de Contrologia com os exercícios de solo.


Dizia estar 50 anos à frente de sua época pois afirmava que os hábitos da vida moderna, a má postura e a respiração ineficiente são as raízes da saúde precária, incluindo mente e corpo.

Joeseph Pilates faleceu em 1967 em Nova Iorque em um incêncio em seu Studio, ao tentar salvar os equipamentos. Clara continuou a técnica sem nenhuma alteração até o ano de 1977, quando veio a falecer.


Antes mesmo de Joe falecer, muitos de seus alunos abriram seus próprios estúdios como Eve Gentry, fundadora da Physicalmind Institute em 1991 pela qual sou membro habilitado.

Gentry foi bailarina e trabalhou no Pilates Studio de Nova Iorque entre 1938 a 1968. Também ensinou Pilates no departamento de teatro da Universidade de Nova Iorque, foi co-fundadora da Dance Notation Bureau, recebendo em 1979 o prêmio de pioneira em dança moderna pelo Bennington College.


 
Na próxima postagem, vou explicar os benefícios e efeitos fisiológicos do Pilates no corpo da gestante.

Um abraço à todos! Que essa seja uma semana repleta de boas novidades e muito sucesso!



Dra. Luciana Santos Ronqui
Fisioterapeuta e Instrutora de Pilates
luciana.calca@gmail.com

Somos um GAPP

Somos um GAPP

Fazemos parte!